fbpx skip to Main Content
O Que Você Deve Levar Em Consideração Ao Fazer O Controle De Estoque Da Sua Clínica Odontológica?

O que você deve levar em consideração ao fazer o controle de estoque da sua clínica odontológica?

Ter o controle de estoque em sua clínica odontológica é um pré-requisito para o sucesso das suas finanças e de uma boa relação com seus clientes. Entenda como otimizá-lo!

Quando falamos em controle de estoque para clínicas odontológicas, algumas ações básicas já devem vir à mente do gestor responsável. Contudo, um dos maiores problemas enfrentados pela gestão de diversas clínicas odontológicas por todo Brasil não se dá pelo que fazer, mas sim como acompanhar e garantir que todas as ações estejam sendo bem executadas, com base em um planejamento que preveja vencimentos, sazonalidade, depreciação dos materiais, entre diversos outros elementos que são fundamentais para a saúde do seu estoque e dos seus clientes, que, de certa forma, irão consumir os materiais em suas consultas.

Então, como forma de organizar as suas ideias e te ajudar a finalmente colocar o controle de estoque da sua clínica odontológica nas rédeas, nós iremos destacar os principais pontos a serem levados em consideração para que você tenha controle absoluto sobre a gestão dos seus materiais e possa acompanhá-la de maneira efetiva. Vamos lá!

Confira Nossos Serviços - Auxilio Contábil

Primeiro, vamos entender como organizar o seu controle de estoque para clínicas médicas…

Planeje seus estoque com base em sua demanda

Comprar demais para vender/consumir de menos ou então comprar de de menos para vender/consumir demais não são boas opções para a sua saúde financeira – nem de longe!

Visto isso, a melhor alternativa para que você consiga comprar a quantidade exata de materiais e ter o máximo aproveitamento, é com base em dois cálculos cruciais para o sucesso do seu estoque:

  • O Cálculo do Giro de Estoque, onde você irá descobrir de quanto em quanto tempo você realizou a troca total do seu estoque – vendeu tudo e comprou de novo; 
  • Com base na Média do Número de Vendas/Consultas marcadas por mês, onde você saberá qual a demanda da sua clínica, e assim poderá se programar melhor em relação aos seus fornecedores. Nesse ponto também é necessário entender a sazonalidade dos seus clientes, sabendo exatamente em quais meses a demanda aumenta.

Porém, antes de irmos ao próximo passo, entender como acompanhar a sua gestão de estoque para dentistas, é preciso saber que seus produtos também devem ser categorizados pela demanda, onde o seu carro-chefe – o serviço ou produto que mais vende – deve ter um estoque pré-programado para que você não fique sem recursos, e os produtos ou serviços que menos saem devem ser avaliados, com base no lucro que eles te fornecem, para que alguma ação seja realizada: um reposicionamento, a exclusão do catálogo ou não fazer nada, dependendo da realidade da sua clínica.

Agora, vamos finalmente saber como acompanhá-lo!

Pronto, agora chegamos na parte do acompanhamento, onde gastos e receitas são suas métricas principais para que suas ações sejam as melhores. 

E já que falamos de gastos e receitas, por que não classificar as principais métricas que você deverá ficar de olho dessa forma:

  • Gastos: Vencimento, Frete, Dias Parado no Estoque, Comissão – caso trabalhe com algum modelo de indicação – e por aí vai…
  • Receita: Vendas e Aumento da Demanda.

A melhor alternativa para acompanhar todos esses números com fidelidade é um sistema de gestão de estoque – existem alguns sistemas ERPs que consegue integrar todos os setores da sua clínica – e não uma planilha, mas tudo depende do seu bolso e de quanto está disposta a investir pelo sucesso da sua clínica.

Obs: Estoque é coisa séria, pense bem!

E como nós, da Auxílio, somos especializados em contabilidade para clínicas odontológicas, o que acha de batermos um papo e assim clarearmos a sua mente quanto as melhores ações para o sucesso do seu estoque? O café é por nossa conta!

Summary
Controle de estoque para clínica odontológica - O que levar em conta?
Article Name
Controle de estoque para clínica odontológica - O que levar em conta?
Description
Ter o controle de estoque em sua clínica odontológica é um pré-requisito para o sucesso das suas finanças e de uma boa relação com seus clientes. Entenda como otimizá-lo!
Author
Publisher Name
Auxílio
Publisher Logo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top