fbpx skip to Main Content
Planejamento Financeiro Para Imobiliária – 10 Dicas Para Ter Sucesso

Planejamento Financeiro para Imobiliária – 10 dicas para ter sucesso

A gestão de qualquer empresa exige dedicação por parte do empresário, além, evidentemente, de conhecimentos contábeis e financeiros para que o empreendimento possa trazer os lucros necessários. O planejamento financeiro para imobiliária não é diferente de outras empresas, mantendo seus recursos dentro dos padrões necessários para otimizar as atividades.

Uma imobiliária é uma empresa de prestação de serviços e seus rendimentos são provenientes, principalmente, de comissões sobre venda e aluguel de imóveis. Quando se trata de vendas, o lucro é substancial, mas o empresário não pode se esquecer dos valores menores decorrentes de comissões sobre aluguel que, mesmo sendo pequenos, são o suporte para a imobiliária, por serem mensais e constantes.

O planejamento financeiro para imobiliária, portanto, deve seguir algumas recomendações essenciais, como podemos ver a seguir:

1.   Elaboração de um plano estratégico

O planejamento estratégico é, atualmente, uma das ferramentas mais utilizadas para identificar as necessidades, objetivos e demandas de qualquer empresa. No planejamento financeiro para imobiliária ele é essencial, permitindo a definição de metas e de objetivos, considerando os projetos operacionais e definindo não apenas as responsabilidades, mas também os prazos para sua concretização.

Com um plano estratégico bem estruturado, o empresário de imóveis poderá manter sob controle o planejamento financeiro para imobiliária, convertendo em valores o seu trabalho, ao mesmo tempo em que pode investir no futuro da empresa.

2.   Organização de orçamento anual

Tomando como base o planejamento estratégico, o proprietário da imobiliária poderá elaborar o orçamento anual, fazendo as projeções de receitas e despesas e analisando as possíveis variações.

Para fazer o orçamento anual, no entanto, é necessário conhecer a área de finanças, garantindo implantar as melhores estratégias para a continuidade de suas atividades, obtendo a lucratividade necessária para a empresa.

3.   Itens necessários no planejamento financeiro para imobiliária

O planejamento financeiro para imobiliária deve ser bem detalhado, principalmente por se tratar de um ramo de atividade com rendimentos variáveis. Em razão disso, é importante manter a organização, dando especial atenção para alguns fatores:

  • Identificação precisa das despesas fixas e variáveis;
  • Rigoroso controle de custos da empresa;
  • Uso do planejamento estratégico para definição das metas financeiras;
  • Utilização racional do capital de giro e do fluxo de caixa.

Com o planejamento financeiro implantado e em funcionalmente, é possível garantir o capital de giro necessário para manter os compromissos em dia, usando o dinheiro de forma inteligente e racional, buscando os investimentos que possibilitem o crescimento da empresa.

4.   Acompanhamento do fluxo de caixa

É fundamental, no planejamento financeiro para imobiliária, manter o controle de todos os rendimentos e o acompanhamento dos custos, verificando se o planejamento estratégico está sendo cumprido.

A administração incorreta do fluxo de caixa pode trazer uma série de prejuízos, prejudicando o desenvolvimento da empresa. O fluxo de caixa irá possibilitar prever futuros compromissos, garantindo a continuidade dos serviços, com o cumprimento de todas as obrigações financeiras.

5.   Separação das verbas empresariais e pessoais

Em qualquer tipo de atividade, é importante que o empresário faça a correta separação entre os seus custos pessoais e os custos empresariais. A prática de uso do dinheiro em caixa para pagamento de despesas pessoais, embora seja bastante comum, é extremamente prejudicial para os negócios.

O empresário deve estabelecer um valor de pró-labore dentro das condições financeiras da empresa, limitando-se a um teto de gastos pessoais mensais de acordo com o que a empresa possa fornecer.

6.   Cuidados com as despesas

O planejamento financeiro para imobiliária vai exigir do administrador um conhecimento detalhado de todos os custos que envolvem sua atividade empresarial, sabendo o que deve pagar de impostos, de mão de obra e de custos de manutenção.

O controle sobre as despesas vai possibilitar que sejam efetuados gastos acima das possibilidades da empresa, mantendo um valor de capital de giro suficiente para atender todos os compromissos e, além disso, atender imprevistos que sempre podem acontecer.

Além dos custos normais, sempre é importante manter uma reserva para atender determinadas despesas, como, por exemplo, custos de pessoal relacionados a demissão, férias e décimo terceiro salário, por exemplo.

7.   Utilização de indicadores de desempenho

A moderna administração de empresas utiliza os indicadores de desempenho como ferramentas de gestão, aplicando o que está estabelecido no planejamento estratégico para possibilitar um desenvolvimento sustentável para o empreendimento.

No planejamento financeiro para imobiliária, os indicadores de desempenho permitem conhecer a situação do negócio, oferecendo condições de traçar novas metas para o empreendimento. Os principais indicadores para imobiliária são os seguintes:

  • Valor do ticket médio;
  • Número de visitas recebidas e realizadas;
  • Taxa de conversão de contatos;
  • Tempo médio de vendas de imóveis;
  • Número de visualizações de anúncios online, entre outros.

Os indicadores de desempenho atendem às necessidades de avaliação dos corretores, servindo também para acompanhar a geração de receita e permitindo analisar se o empreendimento está seguindo em direção às metas estabelecidas.

8.   Implantação de um efetivo sistema de cobrança

Um dos maiores problemas para qualquer tipo de empreendimento é a inadimplência. Na imobiliária, esta é uma questão crucial, havendo a necessidade de implantação de um efetivo sistema de cobranças que traga maiores garantias para a receita.

Automatizar o processo é um dos meios de garantir que os aluguéis estejam sendo recebidos em dia, podendo identificar imediatamente qualquer atraso.

9.   Adoção do regime tributário mais favorável

O sistema tributário brasileiro é um dos mais complexos do mundo, exigindo o recolhimento de inúmeros impostos. A adoção de um regime tributário que possibilite trabalhar dentro da legalidade, dessa forma, é importante para o planejamento financeiro para imobiliária.

Ter um contador confiável para definir o regime tributário, portanto, é essencial para o empresário do ramo imobiliário.

10. Utilização da tecnologia para a gestão financeira

A informatização da imobiliária permite manter maior controle sobre as finanças e dar continuidade ao planejamento financeiro para imobiliária. Com um sistema informatizado, todos os dados e informações podem ser armazenados em um mesmo local, dando origem a relatórios detalhados que irão oferecer a visão total do empreendimento, dando condições ao empresário de imóveis para manter sua empresa e investir para a melhoria do seu empreendimento.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a Jobcont e acabe com os problemas financeiros do seu negócio!

Sucesso e até a próxima!

Avaliar Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top