Como abrir uma empresa com pouco dinheiro?

Como abrir uma empresa com pouco dinheiro?

 Conheça o segredo para abrir seu negócio com pouco dinheiro!

Se você quer abrir uma empresa com pouco dinheiro precisa estar atento a todas as oportunidades que podem aparecer!

Abrir uma empresa com pouco dinheiro não é algo fácil, contudo, existem algumas técnicas simples que podem ser utilizadas para que você minimize seus gastos relacionados ao processo de abertura e legalização. 

É importante citar que nem todos os custos podem ser mensurados, sendo assim, optamos por trazer algumas opções mais direcionadas às ações envolvendo o processo em si.

Como abrir uma empresa com pouco dinheiro

Primeiramente, você precisa conhecer todo o procedimento padrão necessário para prosseguir com a abertura, conhecê-lo melhor permite que você identifique questões relacionadas à economia, por exemplo, que vão desde a comunicação de forma online para resolução de problemas até a escolha de um planejamento tributário que reduza seus custos com impostos.

Processo de abertura de uma empresa

Para iniciar o processo de abertura, é preciso conhecer o caminho mais natural e simples para que ela ocorra de forma fácil. Para isso, preparamos alguns passos simples que podem fazer toda a diferença, sobretudo no corte de gastos:

  • Elaborar um planejamento eficiente;
  • Escolher o tipo de empresa;
  • Regularizar a empresa junto aos órgãos competentes;
  • Escolher o melhor regime tributário;
  • Formalizar o negócio.

Para que você entenda melhor sobre cada um dos tópicos, abaixo abordaremos todos os detalhes e características:

Planejamento eficiente

O planejamento desde sempre foi considerado uma parte importante para que você realize o processo de abertura da sua empresa gastando menos do que o esperado. No planejamento, é realizado um estudo sobre o que realmente é necessário para sua empresa operar, bem como sobre escolhas fundamentais relacionadas ao planejamento tributário. 

O planejamento tributário, sem dúvidas, é um dos grandes fatores que auxiliam sua empresa a ter uma economia a longo prazo, sendo necessário seguir o planejamento à risca para garantir a redução do pagamento de impostos.

Um planejamento eficiente pode determinar também a sua retirada ou o agrupamento de atividades exercidas, pois devido à algumas atividades apontadas no CNAE, você corre o risco de passar por uma série de determinações relacionadas às leis e documentações. 

Escolha do tipo de empresa

A escolha do tipo de empresa pode ser utilizada a seu favor quando o assunto for economia, para isso, avalie a situação da sua empresa atual e garanta que você não pense grande e confunda a realidade do seu negócio.

Todos nós sabemos que o MEI é a modalidade que menos envolve custos para iniciar, o empecilho se trata justamente do porte e faturamento da empresa, que não pode ultrapassar R$ 81 mil por ano. Logo, sabendo disso, você que deseja abrir uma empresa e espera que seu faturamento seja maior, pode estar sujeito(a) a aderir a outra modalidade, com um faturamento maior que o teto imposto pelo MEI.

Contudo, estamos falando do momento inicial do seu negócio, no qual você, provavelmente, ainda não obterá um faturamento tão alto. Isso deverá ocorrer em meses, ou até mesmo anos após a abertura. 

Diante desse cenário, você, empresário(a), pode optar por iniciar sua empresa na modalidade MEI, e quando ela alcançar o limite do faturamento, é realizada a migração automática para uma nova modalidade. Com isso, falamos sobre uma economia acentuada de meses.

Regularizar a empresa junto aos órgãos competentes

Essa etapa é uma boa oportunidade para você iniciar com pouco dinheiro, desde que você conheça a fundo os registros e documentos necessários para o funcionamento.

Isso se deve ao fato de que não é mais necessário a presença física em cada órgão para finalizar o processo de abertura e legalização. 

Há pouco tempo atrás, o deslocamento aos órgãos era obrigatório, e para isso dias de trabalho eram perdidos, além do tempo em filas e o custo com xerox de documentos.

Contudo, com a tecnologia, todo esse processo foi simplificado, haja vista a facilidade de conseguir resolver a grande maioria dessas coisas de nossas casas, encaminhando documentos digitais e economizando dinheiro. 

Além disso, a tecnologia auxiliou também que os órgãos fiscalizadores pudessem validar documentos a distância, através de um sistema próprio no qual é gerado um número de protocolo, ou em alguns casos é permitido o envio da documentação por e-mail.

Abaixo, listamos alguns órgãos que possam ser necessários para regularizar a sua empresa:

  • Junta Comercial;
  • Receita Federal;
  • Secretaria da Fazenda;
  • Prefeitura;
  • Ministério da Fazenda-Previdência.

Escolha do melhor regime tributário

Como mencionamos anteriormente, essa escolha pode determinar uma grande economia à sua empresa a longo prazo, visto que a decisão impacta diretamente no seu pagamento de impostos. Logo, não tenha dúvidas que o melhor e mais vantajoso – financeiramente – regime tributário é o Simples Nacional. 

Esse regime reúne em uma única guia todos os tributos pertinentes ao seu negócio e permite a quitação de forma bastante simples, através de um portal desenvolvido pela Receita Federal.

Segundo o próprio portal, “O Simples Nacional é um regime compartilhado de arrecadação, cobrança e fiscalização de tributos aplicável às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, previsto na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006.” Fonte: Simples Nacional.

Para saber mais sobre esse assunto em específico você pode consultar o próprio portal do Simples Nacional, ou acessar os artigos que preparamos especialmente para você:

Não conhecer todos os processos pode ser um grande problema

Quando o assunto é abrir empresa com pouco dinheiro, é imprescindível um conhecimento específico sobre como economizar de forma pontual, sem comprometer toda a segurança e efetividade do processo.

Não estar respaldado(a) pela lei pode causar problemas muito além dos gastos a mais, podendo comprometer diretamente a abertura da empresa, portanto, fique atento(a) e procure buscar o máximo de informações necessárias para realizar cada etapa, por mais simples que possam parecer.

Procure uma consultoria contábil

Ter o máximo de informações será essencial no processo, porém, você já imaginou poder contar com uma consultoria especializada nas áreas empresarial e contábil? Essa pode ser a grande economia que você tanto almeja, não é mesmo?!

“Como assim? Como contar com um serviço de consultoria pode representar uma economia direta para o meu negócio?” Já ouviu falar do ditado “o barato pode sair caro”? Tenho certeza que sim e é exatamente o que pode acontecer com a sua empresa.

Uma consultoria irá atuar desde o planejamento, que tanto falamos no começo deste artigo, até na elaboração do planejamento tributário, participando, inclusive, de todos os processos relevantes para uma abertura e legalização de empresa econômica e direta. 

Ou seja, uma vantajosa aliada para esse momento. Você poderá realizar todo o processo de maneira muito mais assertiva e sem a preocupação de estar gastando mais do que deveria nas etapas até a efetiva operação da empresa.

Abrir empresa com pouco dinheiro na prática

O processo de abertura de empresa com pouco recurso não precisa se resumir somente à parte burocrática.

São diversas as ações que podem e devem ser tomadas após a assinatura de papéis. Por isso, preparamos algumas dicas para que você possa economizar também durante a operacionalização da sua empresa. A seguir, listamos alguns tópicos importantes que devem ser levados em consideração para economizar na prática.

Escolha bem a localização

A localização da sua empresa pode ser um fator determinante para um gasto considerável, levando em conta o preço do aluguel ou a compra de um imóvel para a prática das atividades.

Sabemos que os locais mais bem povoados e com um grande fluxo de pessoas são mais caros, portanto, procure escolher o meio termo exato entre o movimento necessário para o seu negócio e o valor a ser pago.

Outra dica é tratar sobre o aluguel ou a compra diretamente com o dono do local. Contar com o mínimo de serviços relacionados ao aluguel pode reduzir o custo, mas se você possui um bom relacionamento com o proprietário, você consegue solicitar descontos sempre que possível.

Contratação de funcionários

Ao iniciar uma empresa, é possível que você precise de ajuda para executar os serviços, logo, será necessário contratar funcionários. 

Sendo assim, procure pagar salários justos e defina muito bem no processo de contratação todas as tarefas que cada colaborador deverá exercer. Dessa forma, você evitará que os funcionários desistam do emprego em pouco tempo exercendo determinada função. 

Terceirização de processos

Caso seja possível, procure terceirizar alguns processos específicos, como, por exemplo, a limpeza ou a segurança da empresa. Agir dessa forma evitará a contratação de novos funcionários somente para determinada função e não será necessário gastar com benefícios trabalhistas.

Economia em processos administrativos

Dentro do ambiente de uma empresa, é possível economizar em diferentes situações envolvendo os processos administrativos.

Começando pela comunicação, você poderá utilizar sistemas através da internet, substituindo as linhas telefônicas de alto custo que eram consideradas um grande gargalo econômico para diversas empresas.

Além disso, você consegue utilizar diversas ferramentas de automação que irão auxiliar em rotinas específicas relacionadas às vendas, divulgação, comunicação e suporte a cada cliente. Muitas empresas estão adotando essas ferramentas e economizando bastante dinheiro.

Conte conosco, da Auxílio Contábil

Se você quer abrir uma empresa mas dispõe de pouco capital, nós podemos te ajudar. Somos uma empresa de consultoria e terceirização de serviços contábeis, atuamos nas áreas de assessoria contábil, tributária, trabalhista e societária dos nossos clientes com o objetivo de atender às necessidades de cada uma.

Além de possuir a expertise necessária para o processo, podemos te orientar a prosseguir gastando o mínimo possível e de acordo com o seu financeiro, através dos melhores e mais qualificados profissionais que irão entender o cenário em que você se encontra e atender às suas necessidades. Entre em contato conosco por meio do ícone do WhatsApp localizado em nosso website ou através das informações de contato contidas no rodapé de nossas páginas.
QUERO ENTRAR EM CONTATO!

<a href="https://auxiliocontabil.com.br/author/eduardo/" rel="author">Redação Auxílio Contábil</span></a>

Todas as nossas ações estão sempre pautadas em valores os quais defendemos, tais como: Satisfação do cliente; Ética Profissional; Respeito; Confiança; Credibilidade; Responsabilidade Social.

Abrir Mei Grátis Online3 - Auxilio Contábil

Inscreva-se para receber novidades!

Rolar para cima