Dicas sobre DRE e Margem de Contribuição.

Saiba O Que Sao Dre Blog - Auxílio Contábil

Dicas sobre DRE e Margem de Contribuição.

Saiba o que são DRE e margem de contribuição e por que analisá-las em sua empresa

Entenda o que são DRE e margem de contribuição e a relação entre os termos

Os relatórios contábeis em uma empresa são uma poderosa ferramenta para acompanhar os resultados do negócio e entender como as decisões estão repercutindo nos números do empreendimento. E conhecer a relação da DRE e margem de contribuição permite que sua gestão seja mais eficiente na sua empresa. 

A menos que você tenha alguma experiência em contabilidade, pode ser difícil entender os resultados e saber o que eles significam para o negócio.

E falando em acompanhamento de resultados, temos a margem de contribuição, um desses termos contábeis que pode parecer confuso à primeira vista. 

Sabendo disso, em nosso artigo trouxemos informações importantes, as quais vão ajudar você a entender melhor sobre a relação entre DRE e margem de contribuição, poderosa ferramenta contábil.

O que é margem de contribuição?

Para entender melhor sobre a DRE e margem de contribuição, isso demanda entender o conceito desse indicador.

A margem de contribuição é o montante da receita que permanece após o custo dos produtos vendidos ter sido subtraído da receita total. 

Nesse contexto, a margem de contribuição também é chamada de margem bruta, margem ou contribuição. 

Para entender a margem de contribuição, é preciso primeiro entender o custo das mercadorias vendidas. 

O custo dos produtos vendidos é o custo de todos os produtos que uma empresa vendeu. 

Ele inclui os materiais usados para produzir o produto, a mão de obra direta envolvida na criação do produto, quaisquer despesas adicionais que a empresa tenha incorrido para criar o produto e quaisquer custos gerais que tenham sido incorridos na criação do produto.

Artigos sugeridos:

Por que a margem de contribuição é importante para um negócio?

Entender a importância dela ajudará você a saber mais sobre a relação entre DRE e margem de contribuição, além de facilitar a aplicação do que você extrair no seu dia a dia.

Como já discutido, nem todas as empresas têm uma margem de contribuição. 

Se uma empresa tem uma margem de contribuição, isso é importante por duas razões. 

Ela ajuda a empresa a conhecer seu ponto de equilíbrio e é uma medida de rentabilidade. 

A margem de contribuição é utilizada por muitas empresas para calcular seu ponto de equilíbrio. 

O ponto de equilíbrio é o ponto em que a receita é igual à despesa. 

A margem de contribuição é também uma ótima maneira de ver o quão rentável é um negócio. A lucratividade é a capacidade que uma empresa tem de criar um excesso de receita sobre as despesas. 

Quanto mais lucrativa for uma empresa, melhor será a sua situação. 

Quanto maior for a margem de contribuição, mais dinheiro o negócio terá para investir em outros aspectos da empresa, como o marketing. 

Quando as empresas têm dinheiro extra para investir, elas podem tornar o negócio melhor em muitos aspectos.

Quando a margem de contribuição é útil?

Como discutido acima, a margem de contribuição é muito útil para as empresas. 

Ela dá às empresas a capacidade de calcular seu ponto de equilíbrio e ver o quanto seus produtos são rentáveis. 

Também dá às empresas uma melhor ideia de quão caro é criar seus produtos. 

Quando as empresas conhecem o custo de criação de seus produtos, é mais fácil para elas estabelecer um preço para esses produtos.

Com uma ideia melhor do custo, é mais fácil saber se o preço é justo para os clientes ou se é preciso aumentá-lo ou diminuí-lo para torná-lo mais justo. 

A margem de contribuição também é útil para as empresas que desejam acompanhar suas tendências financeiras. 

Ao rastrear a margem de contribuição, as empresas podem ver como seus preços estão afetando sua capacidade de ter lucro. 

Se uma empresa está vendendo um produto e sua margem de contribuição diminui, eles sabem que sua capacidade de ter lucro está sendo diminuída. 

Se a margem de contribuição sobe, no entanto, significa que seu lucro está aumentando.

Limitações da margem de contribuição

A principal limitação da margem de contribuição é que ela pode ser muito enganosa. 

Nesse cenário, a margem de contribuição não inclui quaisquer outras despesas que uma empresa deve pagar, apenas o custo dos produtos vendidos. 

Como resultado, a margem de contribuição pode fazer com que um produto pareça ser mais lucrativo do que realmente ele é. 

Nesse contexto, é importante que, ao analisar a DRE e margem de contribuição, é necessário que o relatório seja considerado de forma completa.

Então, no próximo tópico, vamos entender mais sobre esse relatório.

O que é a DRE?

DRE é a sigla para Demonstração de Resultado do Exercício e consiste em um relatório que tem como objetivo evidenciar se a empresa, em um período, obteve lucro ou prejuízo.

Para isso, ele busca totalizar os custos, receitas e despesas, realizando as respectivas operações para que se possa chegar a um determinado resultado.

Nesse sentido, permite que você possa acessar informações importantes e identificar, por exemplo, gastos que precisam ser cortados, áreas nas quais você pode aplicar mais investimentos, graças, principalmente, aos lucros, dentre outros.

A DRE é uma poderosa ferramenta contábil e gerencial ao fornecer dados importantes sobre as operações de um estabelecimento.

Você, como gestor, precisa buscar entender como ela funciona e também analisá-la periodicamente.

Mas perceba que analisar as informações de forma adequada demanda você levar em consideração aspectos da sua empresa.

Nesse cenário, contar com a ajuda de especialistas ajudará bastante nessa tarefa.

DRE e margem de contribuição: dicas para analisá-las de maneira eficiente

Nesse cenário, como você já deve ter percebido, a DRE e margem de contribuição possuem ligação bem próxima.

Perceba que esse relatório poderá levar a você informações importantes e necessárias ao cálculo da margem de contribuição da sua empresa.

Dito isso, no link abaixo, você conhecerá mais sobre quem pode ajudar você a analisar a DRE e margem de contribuição em sua empresa:

Contabilidade em Palmas – TO

Auxílio Contábil: apoio focado no progresso da sua empresa

A margem de contribuição é o montante da receita que permanece após o custo dos produtos vendidos ter sido subtraído da receita total. Também é chamada de margem bruta, margem ou contribuição. 

A principal limitação da margem de contribuição é que ela não inclui quaisquer outras despesas que uma empresa deve pagar, apenas o custo dos produtos vendidos. 

Como resultado, a margem de contribuição pode fazer com que um produto pareça ser mais lucrativo do que realmente ele é. 

Também é útil para empresas que desejam acompanhar suas tendências financeiras e ver como seus preços estão afetando sua capacidade de obter lucros.

Em tal cenário, é importante trazer que nós, da Auxílio Contábil, somos especialistas nesse assunto e vamos ajudar você a entender melhor sobre a DRE e margem de contribuição em sua empresa.

Nosso escritório conta com um time altamente especializado, preparado para ajudar seu negócio a ter resultados de excelência.

Clique no botão abaixo, converse com a gente e conheça as vantagens de contar conosco.

Preciso de apoio para otimizar a gestão da minha empresa!

<a href="https://auxiliocontabil.com.br/author/eduardo/" rel="author">Redação Auxílio Contábil</span></a>

Todas as nossas ações estão sempre pautadas em valores os quais defendemos, tais como: Satisfação do cliente; Ética Profissional; Respeito; Confiança; Credibilidade; Responsabilidade Social.

Abrir Mei Grátis Online3 - Auxilio Contábil

Inscreva-se para receber novidades!

Scroll to Top
Rolar para cima